Artigo: tudo o que você precisa saber sobre o ticket médio: o que é e como calculá-lo

Quando se administra uma empresa, é necessário ter inúmeros indicadores a fim de demonstrar o real desempenho. Afinal de contas, não há como contar somente com o lucro líquido para dizer se a saúde financeira do seu negócio está em dia, certo?

Dentre esses indicadores, está o ticket médio. Você sabe quanto um cliente gasta em média em sua loja? Ou mesmo qual o valor médio ganho por produto que você vende? Se as suas respostas forem não para ambas as perguntas, você precisará se atentar a esse indicador.

Pronto, para saber o que é o ticket médio, como calcular e qual a importância dele para o seu negócio?

Continue lendo e descubra.

Afinal, o que é um ticket médio?

O ticket médio é um indicador financeiro que demonstra o quanto uma empresa fatura a cada venda. Também pode ser descrito como o valor médio que cada cliente gasta/gastou em seu estabelecimento em determinado período.

Digamos que o seu negócio seja uma loja de roupa. Caso se tenha definido o ticket médio como algo em torno de R$100,00, quer dizer que toda a vez que um cliente entrar em sua loja e decidir adquirir um produto, você já terá em mente que a média de gastos dele será por volta desse valor.

Talvez você não esteja dando a devida importância a essa métrica nesse momento, mas já parou para pensar se conseguisse aumentar o valor médio gasto por cliente em 15 ou 40%? Seria um grande impacto em suas finanças.

Dessa forma, ter esse indicador bem definido pode fazer uma grande diferença até mesmo para a tomada de decisão. Contudo, antes de adentrar nesses pontos, vamos aprender a calcular o ticket médio.

Calculando o ticket médio

O cálculo do ticket médio é extremamente simples, e vamos usar o mesmo caso acima. Digamos que a sua loja de roupas fatura uma média de R$45.000,00 e realiza 450 vendas. Isso implica dizer que a média gasta por cliente é de R$100,00.

Veja a fórmula:

Lembre-se de que, para determinar o valor do faturamento, será necessário também definir uma janela de tempo. Não é obrigatório que seja um mês, apesar de esse ser o período mais usado. De modo geral, o período dependerá da pergunta a que você está tentando responder.

Também é possível calcular o ticket médio de produtos determinados, serviços ou mesmo categorias a depender da sua necessidade específica.

Por que calcular o ticket médio?

Como gestor, você nunca poderá subestimar o uso de métricas no momento de otimizar processos e melhorar o desempenho da sua empresa. Nesse sentido, o ticket médio, especialmente quando associado a outros indicadores, traz informações valiosas.

Contudo, um valor isolado não diz muito sobre a saúde do seu negócio, é necessário realizar diversas medições e até construir um gráfico. Imagine que esse gráfico esteja sempre subindo; é um ótimo indicador de que algo está sendo feito corretamente, podendo ser pela própria equipe de vendas ou ainda pela de marketing.

Não somente como uma análise constante, o ticket médio serve para realizar o registro de promoções ou mesmo de outras estratégias específicas de venda. Assim, você pode descobrir se a promoção realmente está sento efetiva para o seu negócio; será que os seus clientes estão levando mais produtos? Com esse indicador, você pode responder.

Essa métrica também permite comparar inúmeras estratégias de venda; então, se você está sempre procurando inovar e trazer novos desafios para a sua equipe, esse parâmetro será uma boa fase de comparação entre eles.

Claro, ao usar o ticket médio como base para tomada de decisões, não se pode deixar de levar em consideração outras métricas, como:

  • Lucratividade;
  • Rentabilidade;
  • Margem de contribuição.

Existem ainda outras métricas da área de vendas, finanças e ainda de marketing. Sendo assim, nãos se esqueça de que nenhuma métrica diz muito sozinha, contudo, quando inserida em um contexto, é ferramenta poderosa para a avaliação do seu negócio.

O que fazer para aumentar o seu ticket médio?

Agora que você já sabe o que é e o porquê deve calcular o seu ticket médio, certamente, você já deseja aumentar o lucro de sua empresa, conferindo os melhores resultados da mesma. Dessa forma, vamos a algumas ações que irão ajudar você a melhorar esse indicador.

Reforçar a equipe de vendas

Ter uma empresa é um constante investimento; sendo assim, para ter bons resultados, primeiramente você deve ter uma excelente equipe. A começar pela equipe de vendas, ela deve ser extremamente motivada e ter diversas técnicas para convencer o seu cliente a desembolsar em sua loja.

Muitas vezes, a diferença está na qualificação ou mesmo naquele salário um pouco mais alto que a média.

O marketing é a alma do negócio

Não tem para onde correr, o boca a boca nunca mais será tão eficiente quanto as campanhas de marketing bem desenvolvidas.

Hoje, com o marketing digital, é possível atingir tão somente o seu público-alvo e ainda trazer um grande impacto, pois isso também lhe permite personalizar o conteúdo especialmente para aquele nicho.

Como grande parte da população consumidora está na internet, sendo assim, esse é o local certo para encontrá-los.

Ofereça um mix de produtos

Vamos dar um exemplo bem simples. Se você tem uma loja de roupas e acessórios femininos e entra uma cliente para comprar uma blusa, ofereça a ela também um batom. Diz que combina com a cor da blusa que ela escolheu; utilize diversos recursos para conseguir vender e ver aquela pessoa como uma cliente em potencial.

Ofereça descontos na segunda compra

Uma ótima maneira de aumentar o ticket médio de sua empresa é oferecer descontos progressivos, dessa forma, você ativa o instinto de economia a longo prazo dos seus clientes e faz com que, a cada visita, eles comprem mais produtos.

Gostou do texto de hoje? Já sabe como calcular o ticket médio da sua empresa? Continue acompanhando nosso blog, temos muito mais conteúdos como este para ajudar você a gerir sua empresa.

Deixe seu comentário