O que é P&L e como ele pode ajudar sua empresa

Você está curioso para saber o que significa P&L?

P&L é a sigla para Profit and Loss Statement.

Ao traduzi-lo, entendemos melhor seu significado, que é demonstrativo de lucros e perdas.

Ou seja, com o P&L, você consegue analisar se um negócio está tendo lucro ou prejuízo.

E para apresentar uma conclusão, este relatório financeiro reúne as seguintes informações:

  • Faturamento total;
  • Custo por unidade;
  • Volume vendido;
  • Custo de fabricação;
  • Lucro bruto;
  • Custos administrativos;
  • Lucro líquido.

O P&L pode ser elaborado tanto para conhecer a rentabilidade de um negócio quanto de um produto ou serviço específico.

Sua periodicidade também pode variar de semanal à trimestral, dependendo do objetivo da análise, porte e/ou tipo de negócio.

Para promover uma visão analítica de um empreendimento, produto ou serviço, o P&L é usado para análises comparativas entre um período anterior e atual.

Como o P&L é utilizado por empresas de portes e segmentos diferentes

As grandes empresas com capital aberto são obrigadas por lei a publicar em veículos de grande circulação, pelo menos a cada 3 meses seu P&L, assim como os relatórios demonstrativos de fluxo de caixa e o balancete.

Já as novas empresas e startups, assim que elaboram seus planos de negócio, devem incluir o P&L neste planejamento inicial do empreendimento.

Porque ao terem essa iniciativa, eles facilitam a visualização das projeções de lucro e também o cálculo do prazo de retorno sobre o investimento inicial.

Em ambos os casos, o P&L funciona como uma eficiente ferramenta capaz de diagnosticar a saúde financeira de uma empresa.

E, para completar a versatilidade do P&L, ele ainda tem a possibilidade de apresentar a evolução dos resultados financeiros de um negócio ao longo do tempo. Esses números contribuem não só para sabermos se uma empresa é lucrativa, mas também o quão lucrativa ela é.

O P&L também mostra os gargalos de um negócio, identificando exatamente onde um empreendimento está perdendo dinheiro e onde estão as oportunidades de ganhos.

Então, independente do porte ou tipo da sua empresa, se ela está ou não em fase inicial, não abra mão de produzir e analisar seu P&L.

Deixe seu comentário